NINETS: Linhas de Atuação

Linhas de Atuação

Os objetivos apresentados efetivar-se-ão mediante a organização nas seguintes linhas de atuação


1. Estudos e Pesquisas

Linha 1: Tecnologias e Saberes Subalternos

Propõe a articulação de investigações e estudos voltados à construção da genealogia de experiências tecnológicas abrigadas nos saberes subalternizados dos diferentes povos. Como se coadunam processos e artefatos produzidos, que aspectos sociais, políticos, antropológicos participam de sua tessitura, como podem ser (re)apropriados são questões que permearão as investigações.


Linha 2: Institucionalidade e Tecnologias de Controle

Pretende aglutinar pesquisas que problematizem efeitos da estratégia organizada para atuar na negociação com a institucionalidade estatal; proponham análises sobre como técnicas de controle e agenciamento perpassam práticas profissionais, serviços sociais ofertados através de políticas públicas; a análise das estratégias construídas para negociar com a institucionalidade governamental e sua reverberação na organização coletiva, especialmente dos grupos articulados como reação a processos de racialização e sexualização.


Linha 3: Agendas Tecnológicas para o enfrentamento a processos simultâneos de racialização e sexualização

Propomos a articulação de esforços para identificar, analisar e dialogar com interlocutore/as as demandas e agendas de grupos atingidos por processos de segregação social associados a discursos racializantes e sexualizantes, ressaltando aspectos a serem considerados na produção dos processos e artefatos tecnológicos e na construção de uma agenda política para debater políticas de produção científica e tecnológica.


2. Intervenções

Dialogando com as reflexões levantadas pelos processos de investigação, as atividades de extensão universitária priorizarão o desenvolvimento de intervenções e processos pedagógicos voltados à formação de lideranças para atuarem na formulação de políticas científicas e tecnológicas, considerando suas distintas localizações profissionais e políticas; o desenvolvimento de processos e artefatos tecnológicos que atendam a demandas apresentadas por grupos afetados por processos de racialização e sexualização; a intermediação de canais entre grupos e parceiro/as e aliados estratégica/os.


3. Produção, Inovação e Difusão Tecnológica.

O NINETS também se compromete com a articulação voltada ao desenvolvimento de produtos e processos, produção de patentes e certificações sociais, estendendo para o campo as problematizações que orientam a construção no Núcleo.